Sabia que o coronavírus está a condicionar seriamente a produção de carros elétricos?

Atualidade

Por Auto Foco 16-02-2020 15:45

Os fabricantes de automóveis começam começaram cautelosamente a voltar ao trabalho na semana passada na China, enquanto o coronavírus continua a espalhar-se rapidamente por todo o mundo.

Desconhece-se, porém, com que rapidez a indústria chinesa poderá recuperar completamente, com milhões de cidadãos, muitos deles trabalhadores em fábricas de automóveis ou de componentes para esta indústria, ainda com os movimentos muito limitados enquanto o país tenta controlar a doença.

O vírus já matou mais de 1500 pessoas e infetou mais de 60.000 em todo o mundo, principalmente na China, com 20.000 novos casos relatados em apenas dois dias.

Muitas empresas e fornecedores de automóveis que tentaram retomar o trabalho ainda enfrentam, por isso, grandes desafios.

A produção de baterias para carros elétricos está em risco particular, de acordo com a empresa de pesquisa Anderson Economic Group, que divulgou uma análise em que alerta que a Tesla poderá ser a mais prejudicada das cinco firmas não chinesas que operam na China, tanto devido à produção na China dos seus principais componentes elétricos, como ao facto de ter uma linha de montagem naquele país.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade