Renault 4L pode regressar como elétrico de estilo retro

Versões modernas dos Renault 5 e 4L podem fazer parte da ‘revolução’ em marcha na marca francesa.

Atualidade

Por Auto Foco 11-01-2021 20:06

“Renaulution” é o nome do plano estratégico para a restruturação/revolução em marcha na Renault. Luca de Meo, o italiano ex-Seat, agora ao comando da marca do losango, irá oficializar o arranque do programa na próxima quinta-feira, dia 14 de janeiro. Mas alguns pormenores são já conhecidos.

Sabe-se, por exemplo, que a Alpine assumirá a posição de marca de desportivos, substituindo a Renault Sport; a Dacia vai ganhar destaque, importância e mercado no seio do consórcio, ao mesmo tempo que a Renault reforçará a presença nos segmentos mais altos, de maior rentabilidade.

Outra possibilidade, avançada em primeira-mão pela Reuters, é o regresso de nomes icónicos ao portefólio de novos modelos, nomeadamente o 5 e o 4L, que poderão voltar à produção como elétricos, e copiando fórmula retro-futurista de sucesso de modelos como o Fiat 500 ou o Mini.

Ainda no mês passado, a reinterpretação moderna do mítico 4L por um designer independente fez furor na Internet. Este “remake”, que pretendia contar com motor elétrico, mantendo linhas muito fiéis às do clássico da década de 60 anos, reinventado nas suas mais icónicas variações, desde a versão de competição Cup, ao “aventureiro” Savane, sem esquecer o Safari ou o topo de gama Pariesenne, tornou-se um fenómeno na Internet, havendo já uma legião de fãs empolgada com o possível regresso do ícone, com mais de 8,1 milhões de unidades produzidas – entre carros franceses, só o Peugeot 206 vendeu mais...

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade