Rimac Nevera é elétrico com 2000 CV

Atualidade

Por VM 01-06-2021 16:23

Os croatas da Rimac Automobili acabam de apresentar a versão de produção do aguardado hiperdesportivo C_Two. Chama-se Nevera (palavra croata para designar tempestades fortes, de formação rápida que assolam o mar Mediterrâneo, com muitos relâmpagos), está equipado com quatro motores elétricos, um por roda. A potência cominada é de 1914 cv (1804 kW), com binário máximo de 2360 Nm.

Rápido como um raio

Com números tão impressionantes, as prestações anunciadas para o Nevera são igualmente assombrosas. A marca dos Balcãs promete 0 a 100 km/h em apenas 1,97 segundos e 9,3 segundos para cumprir a medição de 0 a 300 km/h, enquanto a velocidade máxima será de 412 km/h.

A bateria é de lítio-níquel-manganês, com 120 kWh de capacidade, está integrada na estrutura do carro para acrescentar 37% de rigidez da monocoque em fibra de carbono. A Rimac anuncia rigidez torcional de 70.000 Nm. O posicionamento das baterias em ‘H’ no piso do carro também beneficia a distribuição de peso, na relação 48/52 entre a frente e a traseira.

A autonomia estimada é de 547 quilómetros no ciclo WLTP e o módulo admite carregamentos rápidos a 500 kW, para recuperar 80% da capacidade da bateria em apenas 22 minutos.

Ensina a conduzir em pista

O “supereléctrico” disponibiliza sete modos de condução – Sport, Drift, Comfort, Range, Track e dois modos individuais –, dispondo ainda do primeiro Driver Coach com inteligência artificial do planeta do mundo, para ‘conduzir’ o piloto às melhores performances possível em circuito.

O sistema usa 12 sensores ultrasom, 13 câmaras e seis radares, em combinação com o sistema operativo Pegasus da NVIDIA, para análise e otimização do desempenho em pista, com sugestões de trajetórias, pontos de travagem ou aceleração.

A produção do Nevera está limitada a apenas 150 unidades, com um preço unitário de dois milhões de euros.

 

 

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade