Mazda 'eletrifica-se', mas não desiste do motor de combustão

Atualidade

Por VM 18-06-2021 11:10

Na Mazda, rumo à neutralidade carbónica, e eletrificação é irreversível: em 2030, um quarto dos produtos marca japonesa será exclusivamente elétrico e a restante gama com vários níveis de hibridização.

Entre 2022 e 2025, uma nova geração de automóveis construídos sobre a denominada Skyactiv Multi-Solution Scalable Architecture chegará à Europa, esperando-se o lançamento de cinco modelos híbridos, cinco híbridos plug-in e três automóveis 100% elétricos, dos quais não se conhecem ainda pormenores. Também uma plataforma dedicada para veículos eléctricos – Skyactiv EV Scalable Architecture – será utilizada para veículos elétricos de diferentes dimensões e tipos de carroçarias a partir de 2025.

Mas o processo de eletrificação no seio do fabricante japonês não significa o abandono do desenvolvimento da tecnologia dos motores de combustão interna, como o e-Skyactiv X e os novos motores de seis cilindros em linha. Ao contrário, a Mazda está a investir em diferentes projetos e parcerias de modo a promover o desenvolvimento e a utilização de combustíveis renováveis nos automóveis, sendo o primeiro construtor automóvel a integrar a eFuel Alliance.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade