Novo Land Rover Defender: o 'teaser' e tudo que sabemos!

Atualidade

Por Vítor Mendes da Silva 29-08-2019 16:23

Faltam poucos dias para a estreia mundial e início de produção do novo Land Rover Defender, que ao longo de minucioso programa de testes tem demonstrado que é digno sucessor do icónico modelo clássico original… em todos os terrenos. Não é para menos, o nome Defender confunde-se com o da Land Rover desde 1990, quando o fabricante britânico batizou o descendente do automóvel revelado em 1948, como Series I.

Problema: o desenho de forte personalidade do modelo de referência entre os 4x4 puros e puros ficou obsoleto em 2015, com a adoção, pelo consórcio EuroNCAP, de regras mais restritivas para proteção dos peões. Pelo que a expetativa em torno da nova imagem deste ’carro-instituição’ é mais do que muita!

Na próxima semana, em Fankfurt, o emblema britânico revela o modelo em estreia absoluta. Até lá, este ‘teaser’, só para abrir o apetite…   

Três tamanhos; uma imagem

Informações ainda não reveladas sobre o Land Rover Defender foram desviadas de uma apresentação interna do SUV, pelo fabricante britânico, e publicado pelo Automotive News, mostram que o veículo estará disponível em três variantes.

O Defender 110, de tamanho médio, é a versão de lançamento e deverá chegar em outubro. Tem sete lugares e mede 4,758 metros de comprimento, 1,999 m de largura e 1,916 m de altura, com uma distância entre eixos de 3,022 m.

O Defender 90 tem distância entre eixos de 2,587 m, será lançado em março de 2020 e oferecerá lotação para seis ocupantes. É mais curto do que o 110, medindo 4,323 m de comprimento, tem idêntica largura (1,999 m) e é mais alto (1,927 m).

Por fim, o Defender 130 será lançado em agosto como modelo 2021. Terá a carroçaria mais comprida (5,100 metros) e oito lugares.

Além de se referir sobre as dimensões exteriores e a lotação do novo Defender, os documentos revelados na apresentação contém as especificações técnicas das variantes 90 e 110. Haverá três motores Diesel: D200 de quatro cilindros e 2.0 litros com 197 cv e 430 Nm; D240 de 240 cv e 430 Nm; e D300 de seis cilindros, 3 litros e cv 300 cv e 650 Nm.

O motor a gasolina de entrada será um de quatro cilindros de 2 litros com 296 cv e 400 Nm, e acima deste o P400 com motor de seis cilindros de 3 litros de 395 cv e 550 Nm. Haverá ainda um híbrido plug-in com potência total de 404 cv.

O Defender de base terá faróis de LED, bancos de tecido e sistema de infoentretenimento de 10 polegadas. Os níveis superiores oferecerão sistema de áudio premium de 14 altifalantes, painel de instrumentos digital de 12 polegadas e bancos em couro Windsor.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade