CPT 4X4: Prova dura em Ol. Frades (fotogaleria)

Motores

Por Redação 13-04-2022 19:02

Fotos: Gonçalo Martins

Oliveira de Frades estreou-se no calendário competitivo do Campeonato Portugal de Trial 4x4, na terceira prova da época, com uma pista de cerca de dois quilómetros e obstáculos cem por cento naturais que fizeram as delícias de pilotos e adeptos da modalidade, mas foi bastante dura para os navegadores.

A dupla Rui Rocha/Pedro Campas (Team RJ69) voltou a dominar e alcançou a segunda vitória e, por isso, são os líderes, isolados, do campeonato. António Henriques/Miguel Costa (Lucrofusão) bem se esforçaram, mas não conseguiram contrariar o líder. O pódio ficou fechado com pela equipa Daniel Carapau/Rúben Filipe (G&C Trial TEam XS5).

Na classe Proto Luís Bacelo (Oficina Bacelo) voltou a subir ao pódio após um longo jejum. A adaptação ao Proto Oficina Bacelo tem levado o seu tempo, mas tudo parece agora no ritmo certo. António Silva/Tiago Santos (Canelas Pneus), campeões em título, continuam à procura da primeira vitória em 2022. Rui Nunes e Sandro Almeida (Veículo Longo), apesar das adversidades: ficaram privados do bloqueio à frente, partiram a corda do guincho por três vezes e ainda romperam o filtro do gasóleo, ainda conseguiram arrecadar o bronze.  


António Moreira/André Neves (Valclima), que falharam a primeira prova, foram os recordistas de voltas à pista: 21 voltas em 2 horas 31 minutos e 21 segundos, uma grande margem em relação ao segundo classificado, Armando Sousa (Transgatão), com 14 voltas.


A classe Promoção continua a ser muito disputada, com Paulo Silva (Team Sequeiros) a trocar um Suzuki Samurai por um Jeep e batizou o novo carro com uma vitória. Com seis equipas em pista deu uma volta de avanço ao segundo classificado, Carlos Teixeira (RC Automóveis), com  Pedro Pereira (Clean TT) a completar o trio no pódio.
 

Destaque-se ainda as vitórias de Miguel Teixeira (Trepa Team) na classe FUN e Carlos Martins (Reciclopeças) em UTV.
 

A próxima prova está agendada para 8 de maio, em Mangualde, que também se estreia no Campeonato Portugal de Trial 4x4.

Confira os pódios:

Classe Absoluto *

1.º Rui Rocha – Toyota Land Cruiser BJ40 (12 voltas)

2.º António Henriques – Proto XS5 (12 voltas)
3.º Daniel Carapau  – Proto XS5 2021 (11 voltas)

Classe Super Proto

1.º Rui Rocha – Toyota Land Cruiser BJ40 (12 voltas)

2.º António Henriques – Proto XS5 (12 voltas)
3.º Daniel Carapau  – Proto XS5 2021 (11 voltas)

Classe Proto

1.º Luís Bacelo – Proto Oficina Bacelo (10 voltas)
2.º António Silva – Proto XS5 (9 voltas)
3.º Rui Nunes – Nissan Proto Nunes Projects (6 voltas)

Classe Extreme

1.º António Moreira – Nissan Patrol Turbo (21 voltas)

2.º Armando Sousa – Nissan Patrol GR (14 voltas)

Classe Promoção

1.º Paulo Silva – Jeep Y3 (15 voltas)

2.º Carlos Teixeira – Suzuki Samurai (14 voltas)
3.º Pedro Pereira – Nissan Patrol GR60 (12 voltas)

Classe Fun

1.º Miguel Teixeira  – Nissan Patrol GR60 (12 voltas)

Classe UTV/Buggy

1.º Carlos Martins – Bombardier Can-am Maverick (16 voltas)

*Apenas as classes Proto e Super Proto vão discutir o título Absoluto que coroa o campeão dos campeões, sendo que a pontuação por prova é atribuída a consoante o máximo número de voltas ao circuito em menos tempo. 

Fotos GoAgency

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Noticias Relacionadas

Motores