Novos motores Diesel excedem limite legal de emissões

Atualidade

Por Auto Foco 13-01-2020 09:06

Segundo os últimos testes realizados pela Federação Europeia dos Transportes e Ambiente (T&E), os novos veículos Diesel excedem o limite para emissões de partículas, pelo que a instituição pede aos legisladores da União Europeia (EU) que tornem mais rígidos os regulamentos e testes de emissões.

Quatro anos depois de a Volkswagen ter admitido prática fraudulenta nos testes de motores a gasóleo, novos testes de dois dos automóveis Diesel mais vendidos na Europa em 2018 revelam que a poluição por partículas aumentou para 1000 vezes o nível normal durante o processo regular de limpeza dos filtros antipoluição.

Os testes do Nissan Qashqai e Opel/Vauxhall Astra revelam que as emissões estão entre 32 e 115% acima do limite legal de 600 biliões de partículas por quilómetro durante a limpeza automatizada do filtro.

Um porta-voz da Opel/Vauxhall referiu não poder comentar por não estar a par dos detalhes do relatório da T&E.

Por seu turno, o porta-voz da Nissan declarou à Reuters que «todos os veículos da Nissan e dispositivos DPF (filtro de partículas de diesel) instalados nos nossos veículos cumprem totalmente a legislação de emissões aplicável». A fabricante japonesa acrescentou ainda apoia novos testes de emissões mais rigorosos e que introduziu novas tecnologias para os cumprir.

A T&E referiu ainda que mais de 45 milhões de veículos na Europa têm filtros de partículas, o que soma 1,3 bilhões de limpezas por ano. O processo pode ocorrer a cada duas semanas e durar 15 quilómetros.

Sob as regras europeias atuais, se a limpeza do filtro ocorrer durante um teste oficial, os resultados não contam, «o que significa que 60-99% das emissões reguladas de partículas dos veículos testados são ignoradas», referiu a T&E no relatório.

Os testes dos dois veículos denominados Euro 6d-temp, que se referem aos que chegaram ao mercado depois de 1 de setembro de 2017, foram realizados pelo laboratório europeu Ricardo de testes de veículos em julho e agosto de 2019 e descobriram que o Astra emitia o maior número de partículas quando ocorreu a regeneração total do filtro, com 1.300 biliões de partículas por quilómetro.

Os testes de regeneração de filtros do Qashqai mostraram emissões entre 790 e 850 biliões de partículas por km, excedendo o limite de 32% a 41%.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a poluição por partículas afeta mais pessoas do que qualquer outro poluente, com três em cada quatro habitantes das cidades europeias expostas a níveis inseguros de partículas.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade