Sindicatos franceses criticam Renault por fabricar elétrico da Dacia na China

Atualidade

Por Auto Foco 23-10-2020 11:03

Os sindicatos de trabalhadores da Renault manifestaram-se desagradados com o facto de o construtor produzir na China o Dacia Spring Eletric, o primeiro automóvel exclusivamente a bateria (BEV) da marca romena que é propriedade daquele consórcio francês.

O Spring Eletric é construído das unidades de produção da Renault na província de Hubei e na fábrica da Dongfeng, em joint-venture com o fabricante francês, ambas na China, e será exportado para a Europa.

Os representantes dos trabalhadores da Renault já estão preocupados com um plano de corte de empregos que a Renault anunciou pouco antes de conseguir um empréstimo garantido pelo Estado em junho. “Opomo-nos fortemente a fazer a ‘primavera’ na China”, disse Frank Daoust, porta-voz do sindicato CFDT. “Isso não está de acordo com o apoio do governo à indústria automóvel e ao emprego em França.”

Refira-se que outros construtores estão também a importar para a Europa novos modelos de fábricas chinesas, como a BMW com o iX3, a Tesla com o Model 3 ou a Volvo com o Polestar.

A Renault já recebeu uma pequena parte do seu empréstimo de 5 mil milhões de euros que o Estado francês disponibilizou para apoio ao setor automóvel no início deste ano. “É inconcebível e irresponsável produzir noutro lugar que não a França”, disse o grupo trabalhista em comunicado.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade