Tesla recolhe 1,1 milhões de veículos por defeito nos vidros elétricos

Atualidade

Por Auto Foco 22-09-2022 19:24

A Tesla está a proceder à recolha de quase 1,1 milhões de veículos nos Estados Unidos devido a uma avaria no sistema de acionamento elétrico dos vidros que pode não reagir corretamente após a deteção de um objeto.

A anomalia, passível de magoar ou lesionar por entalação, levará à oficina para reparação muitos milhares de exemplares do Tesla Model 3 produzidos entre 2017-22, ou seja, desde o início do fabrico da berlina mais compacta do fabricante norte-americano de automóveis elétricos, de unidades do Model Y construídos entre 2020-21 e dos Model S e X entre 2021-22. Os veículos não cumprem os requisitos da norma de segurança para sistemas de vidros elétricos, de acordo com a NHTSA.

Em comunicado sobre a recolha, emitido na última segunda-feira, a Tesla disse ao principal regulador de segurança automóvel dos EUA que até, em 16 de setembro, não teve conhecimento de «reclamações, incidentes, ferimentos ou mortes» relacionadas ao referido defeito.

A partir de 13 de setembro, os veículos em produção e em situação de pré-entrega receberam uma atualização de software que harmoniza o acionamento dos vidros elétricos aos requisitos especificados na norma de segurança da NHTSA. A Tesla diz que implantará a atualização de software ‘over-the-air’ (à distância) para os demais veículos afetados, para garantir a conformidade.

A fabricante de veículos elétricos começou a notificar os centros de serviço de manutenção autorizados no dia 21 de setembro. Todos os clientes serão notificados até 15 de novembro.

Até agora, este ano, a Tesla emitiu 14 avisos de recolha, afetando mais de 3,3 milhões de veículos, de acordo com dados da NHTSA.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade