BMW Isetta foi de Stirling Moss e agora vai a leilão

Pertenceu a um dos maiores pilotos da história e agora pode ser seu!

Atualidade

Por VM 30-09-2022 15:12

Comercializado nas décadas de 50 e 60 pela BMW, em parceria com a Isso, fabricante de frigoríficos de Milão, o famoso Isetta, na sua particular configuração de uma porta na dianteira, foi o primeiro automóvel produzido em massa com um consumo de combustível de 3 litros/100 km. O que bastaria para fazer dele um dos clássicos mais atuais de sempre, sobretudo neste cenário de crise energética.     

Mas se a história e o rol de caraterísticas tão especiais não são apelo suficiente, acrescente-se o facto de ter sido escolha pessoal de um dos pilotos mais míticos de todos os tempos.

O Isetta 600 de 1957 que vê impecavelmente cuidado nas imagens pertenceu a Sir Stirling Moss, que nos deixou em 2020, com 90 anos de idade e é considerado um dos nomes maiores da história do automobilismo.

Moss adquiriu este Isetta num leilão e ordenou o seu restauro numa oficina especializada, onde se procedeu a um upgrade da mecânica, com a instalação de um novo motor procedente da versão Isetta 700, um dois cilindros derivado da moto R67 da BMW, com 697 cc de capacidade e pouco mais de 30 CV de potência,.

O modelo foi um dos destaques do desfile de homenagem ao piloto britânico, no festival Goodwood Revival, em 2021, e será leiloado no próximo dia 12 de novembro, num evento organizado pela casa Silverstone Auctions.

Valor de venda estimado entre 56.000 e 68.000 euros.

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Atualidade