Grande Prémio de Itália: Leclerc e Ferrari na 'pole position'

Fórmula 1

Por José Caetano 10-09-2022 16:25

Charles Leclerc, em Ferrari, garantiu a «pole position» para a edição 93 do Grande Prémio de Itália (73 na Fórmula 1), a ronda 16 do Mundial de 2022. O monegasco venceu uma sessão de qualificação pela 8.ª vez em 2022 (17.ª na categoria), tornando-se, assim, o primeiro piloto da Scuderia a consegui-lo desde 2004 (Michael Schumacher). Já a equipa de Maranello somou a 10.ª da temporada e a 22.ª na ronda doméstica do campeonato do Mundo, para alegria dos milhares de «tifosi» nas bancadas do Autódromo Nacional de Monza, circuito próximo de Milão que está a comemorar 100 anos.

 

Leclerc, 2.º classificado no Mundial, em igualdade com Pérez, da Red Bull, a 109 pontos do líder Max Verstappen, igualmente da Red Bull, percorreu os 5,793 km do Templo da Velocidade em 1.20,161 m, registo que corresponde a uma média de 260,161 km/h. Em 2019, Charles venceu Itália depois de arrancar da… «pole», posição que garantiu «apenas» 24 triunfos em Monza, em 71 corridas de Fórmula 1, mas 15 em 22 desde 2000.

 

O monegasco derrotou Verstappen por 0,145 s, mas o campeão mundial não iniciará este grande prémio da 2.ª posição da grelha de partida. O líder do campeonato de 2022, que persegue a 11.ª vitória da temporada (5.ª consecutiva) encontra-se entre os 9 pilotos que cumprem penalizações em Itália (ver mais informação no final dos quadros em baixo). Assim, amanhã, no grande prémio com 53 voltas e arranque marcado para as 14.00 horas, George Russell, da Mercedes, ao lado de Charles Leclerc.

 

Também em Monza, estreia de Nyck de Vries na Fórmula 1. O piloto de reserva e testes da Mercedes, campeão da F2 em 2019 e da Fórmula E em 2020/21 (este temporada, no campeonato de monolugares elétricos, o neerlandês de 27 anos foi 9.º classificado, atrás do português António Félix da Costa), substituiu Alexander Albon na Williams-Williams, devido a doença do anglo-tailandês (crise de apendicite obrigou a cirurgia de emergência) e fê-lo de forma surpreendente, conseguindo a 13.ª posição na qualificação e a 8.ª na grelha de partida!

 

Resultados da qualificação

1.º Charles Leclerc, Ferrari, 1.20,161 m

2.º Max Verstappen, Red Bull-RBPT, 1.20,306 m

3.º Carlos Sainz Jr., Ferrari, 1.20,429 m

4.º Sergio Pérez, Red Bull-RBPT, 1.21,206 m

5.º Lewis Hamilton, Mercedes, 1.21,524 m

6.º George Russell, Mercedes, 1.21,542 m

7.º Lando Norris, McLaren-Mercedes, 1.21,584 m

8.º Daniel Ricciardo, McLaren-Mercedes, 1.21,925 m

9.º Pierre Gasly, AlphaTauri, RBPT, 1.22,648 m

10.º Fernando Alonso, Alpine-Renault, sem tempo

ELIMINADOS NA Q2

11.º Esteban Ocon, Alpine-Renault, 1.22,130 m

12.º Valtteri Bottas, Alfa Romeo-Ferrari, 1.22,235 m

13.º Nyck de Vries, Williams-Mercedes, 1.22,471 m

14.º Zhou Guanyu, Alfa Romeo-Ferrari, 1.22,577 m

15.º Yuki Tsunoda, AlphaTauri-RBPT, sem tempo

ELIMINADOS NA Q1

16.º Nicholas Latifi, Williams-Mercedes, 1.22,587 m

17.º Sebastian Vettel, Aston Martin-Mercedes, 1.22,636 m

18.º Lance Stroll, Aston Martin-Mercedes, 1.22,748 m

19.º Kevin Magnussen, Haas-Ferrari, 1.22,908 m

20.º Mick Schumacher, Haas-Ferrari, 1.23,005 m

 

Grelha de partida provisória*

1.º Charles Leclerc, Ferrari

2.º George Russell, Mercedes

3.º Lando Norris, McLaren-Mercedes

4.º Daniel Ricciardo, McLaren-Mercedes

5.º Pierre Gasly, AlphaTauri-RBPT

6.º Fernando Alonso, Alpine-Renault

7.º Max Verstappen, Red Bull-RBPT

8.º Nyck de Vries, Williams-Mercedes

9.º Zhou Guanyu, Alfa Romeo-Ferrari

10.º Nicholas Latifi, Williams-Mercedes

11.º Sebastian Vettel, Aston Martin-Mercedes

12.º Lance Stroll, Aston Martin-Mercedes

13.º Sergio Pérez, Red Bull-RBPT

14.º Esteban Ocon, Alpine-Renault

15.º Valtteri Bottas, Alfa Romeo-Ferrari

16.º Kevin Magnussen, Haas-Ferrari

17.º Mick Schumacher, Haas-Ferrari

18.º Carlos Sainz Jr., Ferrari

19.º Lewis Hamilton, Mercedes

20.º Yuki Tsunoda, AlphaTauri-RBPT

*Após aplicação das penalizações pela montagem de componentes novos nos monolugares: Verstappen e Ocon perdem 5 lugares, Pérez 10 e Bottas, Magnussen e Schumacher 15; Sainz Jr., Hamilton e Tsunoda recuam para o final da grelha de partida

Ler Mais

Conte-nos a sua opinião 0

Fórmula 1